Blog

Aloe Vera: a planta da imortalidade do Egito.

Aloe Vera: a planta da imortalidade do Egito.

Desde os tempos de mil duzentos e pirâmide, todos sabem que o Aloe Vera faz bem à saúde e aos cabelos. A Babosa, como é conhecida popularmente no Brasil, é considerada 'a planta dos primeiros socorros'. 
 
Destaca-se por ser uma planta de uso milenar, que ao longo dos anos adquiriu capacidades para sobreviver onde poucas espécies conseguiriam, como nos desertos. Era conhecida pelos egípicios de ' o elixir da longa vida'. Segundo, documentos em hieróglifos e papiros, foi usado para fins medicinais, embalsamento das múmias,etc. Segundo uma lenda, a Cleópatra, rainha do Egito, e Nefertiti, deusa da beleza, usavam-no de maneira abundante para seus cuidados especiais de beleza. Os chineses da antiguidade fizeram muito o uso da Aloe Vera como medicamento. Os gregos(base do mundo atual), usaram para o tratamento interno e externo da pele, tratamento de queimaduras, manchas, perda de cabelo, indisposição estomacal.
 
Acredita-se que ela chegou ao continente Americano pelos marinheiros de Cristovão Colombo e depois largamente utilizada por missionários no Novo Mundo descoberto por ele. E assim, foi se mantendo a babosa...
Atualmente, tem sido usada por sua eficácia no tratamento de queimaduras, na cura de feridas, na psoríase, na recuperação da pele desidratada, na eliminação de cicatrizes, no tratamento de acne, em produtos capilares, em loções e emulsões corporais e até usada oralmente no comabate de doenças e infecções.
 
Vejamos então algumas de suas propiedades.
 
 
*Acne: por ter ação antissépica, evita o entupimento dos poros, que é o responsável pelas espinhas, deixando-os livres para respirar e ainda destrói as bacterias graças ao seu efeito adstringente.
 
*Antibiótica: sua capacidade bactericida, fungistática (antivirótica), elimina bactérias (inclusive Salmonela e Estafilococos) que causam infecções, inibindo sua ação daninha. 
 
*Congestão nasal: reduz as secreções, auxliando assim o combate a congestão nasal, consequentemente melhorando a respiração.
 
*Coagulações: a presença de cálcio, potássio e celulose, provoca nas lesões a formação de uma rede de fibras que seguram as plaquetas do sangue, ajudando na coagulação e cicatrização. O cálcio é parte do sistema nervoso, o potássio da atividade muscular e a celulose da coagulação, além de regular os batimentos cardíacos.
 
*Energético: uma das maiores características da Babosa, são os 19 aminoácidos essenciais, necessários para a formação e estruturação das proteínas, que são a base das células e tecidos, e também minerais corno cálcio, fósforo, cobre, ferro, manganês, magnésio, potássio e sódio, todos elementos indispensáveis para o metabolismo e atividade celular. 
 
*Queimadura solares: a aplicação do gel da planta proporciona alívio e ainda reduz complicações, por isso, alguns protetores solares contém esse príncipio.
 
Cientistas do mundo inteiro comprovam a veracidade das propriedades curativas da Aloe Vera. Com um livro intitulado "O Câncer tem Cura", o Frei Romano Zago advoga que a planta seria uma poderosa arma contra o câncer, diabetes e muitas outras doenças. Existem muitos casos de pessoas que foram curadas do câncer, com o uso da planta.
 

Comentários